Busca:


Notícias Gerais

Campanha Salarial 2018 - Educação Básica: E agora, é greve?


Data: 09/05/2018

Fonte: Alex da Matta, Sinpro-Sorocaba


Educação Básica: E agora, é greve?

Você vai decidir na Assembleia:
Sábado, 19/05, às 9h, no Sinpro-Sorocaba
 
Nossa Convenção está na Justiça em processo de dissídio. Agora, a nossa mobilização pode destravar a negociação.
 
O momento é decisivo! Até agora, professoras e professores têm defendido com determinação e coragem a nossa Convenção Coletiva. O que está em jogo é nosso reajuste, nossa garantia semestral de salários, férias não parceladas, o recesso de 30 dias, as bolsas de estudos de nossos filhos - e a categoria patronal abandonou a negociação e nos forçou a procurar a Justiça em um processo de dissídio coletivo. 
 
Esperar pela decisão da Justiça é um recurso existente, mas isso não exclui a necessidade de nos mobilizarmos, pois não há garantias de que o Tribunal do Trabalho mantenha todos os direitos que conquistamos em mais de vinte anos de lutas e negociações. As escolas também podem perder e devemos ressaltar que, no sindicato dos donos de escolas, já há donos descontentes com a intransigência dos seus representantes. 
 
Nossa mobilização é pela defesa dos nossos direitos, pelo respeito ao nosso trabalho e pela educação de qualidade. 
A greve é um direito constitucional e um legítimo instrumento de luta. Cabe a nós decidirmos quando e como fazermos. 
 
E agora é a hora. Conversem com seus colegas, mantenham-se conscientizados e não faltem à assembleia do dia 19 de maio.
 
O Sinpro-Sorocaba situa-se à rua Francisco Ferreira Leão, 90, vila Leão. Para mais informações, o telefone é (15) 3222-5783. Adicione o nosso WhatsApp (15) 99175-3963 e receba assuntos de interesse da categoria.